ATUALIDADES

Loading...

domingo, 22 de maio de 2011

NOÇÕES DE FARMACOLOGIA

Dicas importantes em farmacologia
  • Antes de medicar o paciente, procure conhecer a droga que será oferecida: finalidade, efeitos colaterais e via de administração.
  • Procure seguir atentamente os cinco certos da administração de medicamentos.
  • Lavar as mãos sempre antes e após o preparo das medicações.
  • Para a administração de drogas IM e SC, alternar locais de aplicação.
  • Durante a infusão de droga EV, estar atento às condições gerais do paciente.
  • Em caso de dúvidas com relação à dosagem da droga prescrita, procure seu professor ou equipe médica para imediato esclarecimento.
  • Durante o preparo e a administração dos medicamentos, procure não conversar e não se distrair.
  • Não esqueça de checar o horário da medicação que você administrou.
  • Caso não seja possível a administração da medicação no horário prescrito, comunique à equipe, bote o horário e justifique o motivo na anotação de enfermagem.
  • Mantenha a sala de preparo de medicação sempre em ordem.
Lembre-se!
  • 20 gotas = 1ml
  • 3 microgotas = 1 gota
  • % = g/100ml
  • 1g = 1.000mg
  • 100UI = 1ml
Fórmulas
- Gotejamento de soro
nº gotas/min. =      V         onde: V = volume em ml
                          T x 3                T = tempo em horas (T = 1h)
nº gotas/min. =  V x 20      onde: V = volume em ml
                             T                   T = tempo em minutos (T < 1h)
nº microgotas/min =  V_    onde: V = volume em ml
                                 T               T = tempo em horas (T = 1h)
nº microgotas = nº gotas x 3

- Heparina
  • 0,1ml de heparina + 9,9ml de água destilada = 10ml de solução de heparina;
  • injetar de 0,5 a 3ml, dependendo do tamanho do cateter;
  • conservar em geladeira durante tempo determinado pela unidade em que se está estagiando.
- Penicilina

Ao diluir a penicilina, injetar 8ml de diluente para aspirar 10ml de solução final, pois o frasco-ampola já contém 2ml de pó.
Alguns hospitais já recebem por escrito a forma de diluição e preparo dos medicamentos.

- Regra dos cinco certos
    1. Paciente certo:
  • conferir nome completo, quarto e leito.
    2. Medicamento certo (conferir na presceição):
  • conferir atentamente, na prescrição médica, o nome do medicamento.
     3. Dose certa:
  • conferir a dosagem à ser administrada e, em caso de dúvidas, esclarecer com seu professor de estágio ou equipe médica/enermagem.
    4. Via de administração certa:
  • verificar a via de administração correta correspondente à medicação.
     5. Horário certo
  • verificar o horário correto, procurando evitar atrasos ou adiantamento na administração.
OBS.: os cinco certos devem ser verificados, escritos numa etiqueta e colocados sobre a medicação. Veja o exemplo abaixo:

        Josefina da Silva              Q: 503           L: 10
        Keflin 500mg                   VO 10:30h

Principais vias de administração de medicamentos
  • Intramuscular (IM)
  • Subcutânea (SC)
  • Intradérmica (ID)
  • Endovenosa (EV)
  • Via oral (VO)
  • Tópica

Nenhum comentário:

Postar um comentário